sábado, 22 de agosto de 2009

"Cada nado deve ser redescoberto e reinventado por cada um de nós.
A partir dos princípios essenciais e naturais de relaxar e alongar, e apoiados na mecânica de cada nado, devemos redefinir os padrões e adaptá-los para nós de acordo com nossas vivências, sensações de bem estar e eficiência do nado.
Devemos ultrapassar a barreira da lógica e confiar mais no que estamos sentindo.
Redescobrir e reinventar os nados é ter a coragem de assumir o que estamos sentindo em detrimento do que é imposto como padrão. É abusar da criatividade e explorar todas as possibilidades."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores